sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

IPAD X GALAXY: QUAL É O MELHOR


CARREIRAS DIGITAIS: SAIBA COMO ATUAR NA ÁREA


MEC VAI IMPLANTAR LINUX MANDRIVA EM TODA REDE

A informação está no blog da distribuição Linux Mandriva. Segundo o blog, o Ministério da Educação no Brasil prepara grande implantação com o sistema Mandriva Linux em computadores Classmate da Positivo Informática com processadores Intel.

O Ministério da Educação, autoridade de educação do governo brasileiro, selecionou os computadores Classmate com processadores Intel operando com o sistema Mandriva Linux para uso educacional a nível nacional.

A Mandriva está trabalhando em parceria com a Positivo, fabricante do hardware, para oferecer esta solução de código aberto a qual auxiliará os professores a melhorarem a formação dos estudantes. Além disso, esta será uma das maiores implantações organizadas de Linux do mundo, com potencial para atingir 1,5 Milhões de unidades, e confirma o Linux como uma solução rentável, como um sistema operacional alternativo para computadores.

A decisão do governo brasileiro de escolher as soluções da Intel Learning Series (Linha de Aprendizagem da Intel) com o Mandriva Linux nos classmates reafirma o Linux como o sistema operacional preferível para o mercado global de educação, com o Mandriva sendo o líder no mercado Linux orientado à educação.
A edição brasileira do Mandriva é baseada na versão mais recente do Mandriva Linux para mini notebooks, a versão 2010, e foi adaptada para os computadores com processadores Intel com um lançador de aplicações exclusivo, que torna mais fácil o acesso às mais comumente necessárias aplicações de código aberto. A Positivo fabricará computadores classmate com processador Intel, que serão usados por professores, pais e alunos nas escolas brasileiras.

fonte:http://blog.mandriva.com/br/

LANÇADA A EDIÇÃO 17 DA REVISTA ESPÍRITO LIVRE

LANÇADA A EDIÇÃO 17 DA REVISTA BROFFICE


A matéria de capa dessa edição nos revela o trabalho intenso de jovens da Universidade de São Paulo que trabalham duro para melhorar uma ferramenta que a maioria dos usuários BrOffice usam ou pelo menos deveriam usar, o Corretor Gramatical. Na verdade, foram dois lançamentos, o portal CoGrOO Comunidade e a nova versão do Corretor. Ainda sobre Universidades, a edição traz um artigo sobre a migração para tecnologias livres e BrOffice da Universidade Federal do Rio de Janeiro; uma entrevista com o idealizador do Universidade Livre, um projeto cujo objetivo é promover o uso de software livre nas universidades. Ainda temos um case de migração bem sucedido. Dessa vez, a Petros, fundo de pensão patrocinada pela Petrobras, migrou para BrOffice e fez um treinamento amplo para todos os 500 empregados com suporte técnico da OSCIP BrOffice.org. Na seção cultura, mais um episódio do Redblade e dica de filme. E ainda, dicas e tutoriais, Escritório Aberto, Dicas Rápidas.
Boa leitura! Participe: envie críticas e sugestões para contato(a)revistabroffice.org.

ATUALIZAÇÕES PARA AVAST


Quem usa o antivírus em sua máquina mas não dispõem de internet em casa, pode baixar as atualizações em um computador com conexão a internet, levar para casa e fazer a instalação clicando duas vezes no arquivo. Segue abaixo o link para download da versão 4 e 5 do Avast.

terça-feira, 30 de novembro de 2010

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

CRIAÇÃO DE GAMES




quinta-feira, 18 de novembro de 2010

terça-feira, 16 de novembro de 2010

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

UBUNTU PERFEITO - GUIA ILUSTRADO



Passeando esses dias pela net, encontrei um material muito rico que mostra como configurar o Ubuntu de maneira a atender as suas necessidades de trabalho. Vale a pena conferir!!!!

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

LANÇADA A EDIÇÃO N° 92 DA REVISTA PC & CIA




É um NAS? É um Servidor WEB? Sim...É isso e muito mais!
O conceito All-in-One não é mais exclusivo dos desktops. Conheça o QNAP TS-509 Pro Turbo NAS, um poderoso servidor “tudo em um” com interface de gerenciamento web.

Servidores de arquivo iomega
Testamos o Home Media Network Hard Drive e o StorCenter ix2, da Iomega, produtos que solucionam problemas com “backups” e, ao mesmo tempo, compartilham arquivos em uma pequena rede para outros computadores e dispositivos.

PC na nuvem: faça seu sistema sem despesa, passo a passo
Todos estão falando de “cloud computing” e você já se convenceu de que esta é uma tendência inevitável, mas ainda não encontrou nenhuma forma rápida, simples e gratuita de preparar seu computador para a nuvem.
Neste artigo ensinamos como tornar, de forma gratuita, computadores de empresas e escritórios, sejam eles desktops, notebooks ou netbooks, em excelentes estações de trabalho para cloud computing.
Conheça o Jolicloud e chegue às nuvens com estilo!

Cloud Computing: Virtualização de Dados versus Segurança
A convergência da virtualização para a nuvem abre espaço para o surgimento de novas ameaças. Neste artigo, a McAfee se dispõe a explicar alguns destes riscos e propor soluções.

Quebrando a resistência à nuvem
A aparente complexidade do que nos parece novo pode causar resistência à adoção de soluções.

Mercado de TI nublado
Todos estão falando de “cloud computing” e a cada dia, vemos o termo aparecer com maior frequência na seção de notícias tecnológicas de diversos veículos de comunicação, mas por que tanta agitação em volta desse termo?

Teclado e Mouse sem fio C3 Tech
Se você estava procurando teclado e mouse sem fio a preços acessíveis, sua busca terminou. Conheça os novos periféricos wireless da C3 Tech.

Leitura Independente
Poucos produtos são fabricados com a preocupação de atenderem as necessidades de pessoas com qualquer tipo de deficiência. O Book Reader, da Plustek, é um destes produtos e se apresenta como uma boa opção para deficientes visuais que precisam ler na ausência do Braille e até para pessoas com distúrbios de atenção.

Arquitetura Clarkdale
Estes novos processadores da Intel são os sucessores dos Core2Duo para o mercado de médio e baixo custo. Saiba o que a empresa tem a oferecer neles.

Wacom Cintiq 12wx
Ainda chamadas de mesas digitalizadoras por algumas pessoas, as “graphic tablets” são usadas no mundo todo por artistas, designers, arquitetos e muitos outros profissionais que necessitam de uma interface de desenho mais natural e amigável do que o tradicional “tijolo” conhecido como mouse.
A Cintiq 12wx, da Wacom, vem de encontro ao desejo destes profissionais prometendo alta performance e maior portabilidade. Será possível?

O mercado brasileiro de informática e o uso nas empresas
Em maio de 2010 atingimos 72 milhões de computadores em uso no país, e as vendas não param de crescer. Com ou sem crise, o brasileiro sabe que a TI é vital para o sucesso de sua empresa e da sua empregabilidade e, por isso, este mercado apresenta números vigorosos e deveremos ser o terceiro maior mercado em vendas do mundo nos próximos meses.

E-mail não é Storage
Você usa sua caixa postal para guardar as mensagens de e-mail para buscá-las depois de um longo período?
Se você respondeu SIM a esta pergunta, esta opinião serve para você.

LANÇADA EDIÇÃO Nº 19 DA REVISTA ESPÍRITO LIVRE




segunda-feira, 1 de novembro de 2010

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

SÉRIE: MIGRANDO PARA SOFTWARE LIVRE_part02

No primeiro capítulo desta série, foi mostrado como instalar e deixar o sistema operacional Ubuntu 10.04 atualizado. Quando houver novas atualizações o sistema lhe informará automaticamente bastando ao usuário instalá-las.

Neste capítulo vamos entender o ambiente gráfico. O Ubuntu utiliza o ambiente gráfico Gnome que nada mais é do que uma interface amigável para que o usuário se sinta a vontade para trabalhar com o sistema. A primeira vista somos surpriendidos com a estrutura dos desktop do Ubuntu que é diferente do Microsoft Windows e um pouco parecido com o MacOS.
  
O sistema possui duas barras: uma na parte superior e a outra na parte inferior.


A barra superior contêm os menus principais que permite ao usuário abrir programas, organizar seus arquivos e fazer modificações em todo o seu sistema. Tudo está disposto de maneira intuitiva e fácil de entender


 A explicação se inicia da esquerda para direita:

  • Aplicativos - Este menu organiza todos os aplicativos(programas) instalandos em seu computador agrupando-os por categorias como: escritório, Jogos, internet...
  • Locias - Quando o sistema é instalado, são criadas algumas pastas como Documentos, Imagens, Músicas, Vídeos... Nestas pastas o usuário organiza seus arquivos além de poder verificar pastas do sistema e até mesmo pastas compartilhadas em rede.
  • Sistema - Este menu oferece a opção de configurar todo o sistema operacional. Essas mudanças vão desde a aparência até alterações e instalação de hardware e softwares.
 

















Em seguida aos menus, é exibido dois ícones um do mozilla firefox(navegador de internet) e outro de ajuda com dicas rápidas para melhor utilizar o ubuntu. Para acessar a internet é só clicar no ícone do firefox e suporte como utilizar o ubuntu, clique no botão com o sinal de interrogaçaõ

  •  Continuando temos o ícone que indica o estado da sua conexão se a mesma está ativa ou não. Caso a mesma esteja ativa será exibido o ícone com uma seta para cima e outra para baixo

  • As demais opções permitem alterar o volume dos altofalantes, conectar em contas de e-mail e redes sociais, data e hora do sistema, configurações do usuário e o botão de desligar.
  













A barra inferior é utilizada para armazenar as janelas de programas minimizados. Do lado direito desta barra é possível alternar entre outras áreas de trabalho separando suas atividades e o ícone da lixeira. Do lado esquerdo temos um botão solitário que permite, caso haja janelas de aplicativos abertas minimizar as mesmas e exibir a área de trabalho. Perceba que na imagem há um alerta para atualização do sistema.


Bom, por hoje é só. Fiquem atento para novas atualizações do blog. Para maiores dúvidas ou sugestões envie um e-mail para profwagnerfs@gmail.com.

Abraços e até a próxima!!!!!!

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

SÉRIE: MIGRANDO PARA SOFTWARE LIVRE_Part01

A partir de hoje será publicados posts com orientações de como migrar para software livre sem maiores complicações. Antes de mais nada, vamos entender o que significa software livre:

Software livre, segundo a definição criada pela Free Software Foundation é qualquer programa de computador que pode ser usado, copiado, estudado e redistribuído sem restrições. O conceito de livre se opõe ao conceito de software restritivo (software proprietário), mas não ao software que é vendido almejando lucro (software comercial). A maneira usual de distribuição de software livre é anexar a este uma licença de software livre, e tornar o código fonte do programa disponível.(Mais detalhes em http://pt.wikipedia.org/wiki/Software_livre, http://www.gnu.org/home.pt-br.html)

O termo não quer dizer que eu não possa cobrar, mas se vender o software é necessário a disponibilização do código fonte. Como é possível ganhar dinheiro com software livre? Vendendo serviços e prestando suporte técnico na utilização e manipulação do programa.

Neste primeito capítulo desta série, vamos aprender a instalar um sistema operacinonal livre e utilizá-los para as tarefas mais comuns do dia a dia. O sistema operacional será o Ubuntu por ser uma distribuição GNU/Linux mais utilizada no mundo todo e com uma gama considerável de comunidades e fóruns pela internet.

A instalação é bastante simples. Como existem muitos materiais voltado para a instalação, preferi usar um desses para ganhar tempo explicando a utilização de outros aplicativos. O tutorial é da versão Ubuntu 10.04 que tem suporte até 2013 - Isso refere-se a atualizações e correções de bugs.

Leia o tutorial de instalação e depois dê sequência na leitura deste post. Atenção: caso não tenha experiência em formatação de computador, surgiro procurar um técnico em informática gabaritado para este procedimento.


Caso você já esteja conectado à internet durante o processo de instalação, o ubuntu baixará automaticamente os pacotes de idiomas. Caso não esteja conectado a internet, conecte-se e siga os procedimentos para a instalação dos pacotes de idiomas e as atualizações. Siga os passos abaixo:

1. Na primeira utilização do sistema será mostrada uma caixa de diáologo informando a necessidade de atualização dos pacotes de idiomas. Marque a opção "executar esta ação agora.

2. Clique na opção instalar e será solicitado a senha na qual foi configurada na hora da instalação do ubuntu. Isso traz uma segurança ainda maior aos usuários do GNU/Linux, onde qualquer alteração no sistema só pode ser feita mediante confirmação do proprietário com senha.

3. Aguarde a instalação dos pacotes....


4. Clique em fechar


5. Clique no "x" do lado esquerdo da barra de título para fechar a janela seguinte - não se preocupe com a interface, pois, vou explicar mais detalhadamente nos próximos tutoriais a nova aparência do Ubuntu 10.04.


6. Clique no botão fechar. Feito isso, todo o seu sistema está atualizado para o idioma que você está utilizando o seu sistema.


7. Vamos atualizar agora o sistema. Clique em Sistema > Administração > Gerenciador de Atualizações. Será exibida uma caixa de diálogo contendo as atualizações a serem baixadas. Clique em Instalar atualizações e forneça a senha do usuário caso seja solicitada e aguarde a instalação. Após a instalação das novas atualizações é necessário reiniciar o sistema. Reinicie e o seu Ubuntu já estará pronto para uso. Nos próximos post conheceremos melhor este sistema. Abraços!!!!





REVISTAS GDH

Apesar de ter sido descontinuada a revista GDH contêm um material técnico muito rico que vai auxiliar mutia gente. O link lhe redirecionar para o site com todas as publicações onde você clica na imagem da revista que quer fazer o download e aguarda o carregamento da mesma. Bom download.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

CONCERTO DE PLACA-MÃE


Neste tutorial você aprenderá noções básicas de reparos em placa-mãe. Basta clicar no link e você será redirecionado ao site do clube do hardware onde será exibido o tutorial.

 

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

DRIVERS ITAUTEC

Segue abaixo os links para equipamentos produzidos pela ITAUTEC que inclui Desktop, Servidores, netbook, Notebook...



sexta-feira, 15 de outubro de 2010

EEEPC_1000H

OBS.: O link vai levá-lo ao site do fabricante, mais em baixo tem a opção de download. Lá você escolhe o sistema operacional e em seguida faz o download dos drivers.




MICROSOFT ATACA OPENOFFICE EM NOVA CAMPANHA PUBLICITÁRIA

Numa atitude deseperadora, a Microsoft faz um vídeo questionando e eficiencia de uma plataforma de software livre para escritórios. Faltou avisar também que o suporte que eles(Microsoft) oferecem tem um custo elevado, sem falar de suas licenças.

O software livre permite autonomia de um país, empresa ou organização para atender a suas necessidades trazendo investimento local. Segue abaixo alguns links com casos de sucessos com implementação de software livre para suítes de escritótio:
  


> Silva Jardim adere ao Protocolo de Brasília

> Funcionários Públicos Ingleses sugerem mudança para OpenOffice.org

> Estação Digital de Jaboatão forma mais uma turma em BrOffice.org

> Alunos da rede pública de Alagoas usarão BrOffice.org em programa de pesquisa de Astronomia


Esses são apenas alguns exemplos de que software livre deve ser levado a sério. 



Dica: Para assistir o vídeo com legenda, basta clicar no ícone que está marcado com o círculo quando iniciar o carregamento do Vídeo. A imagem está abaixo:

 

LANÇADA A EDIÇÃO 15 DA REVISTA BROFFICE

ESTRUTURA DE DADOS E ALGORITMOS EM JAVA

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

COMUNIDADE OPENOFFICE.ORG CRIA FUNDAÇÃO INDEPEDENTE PARA CONTINUAR O DESENVOLVIMENTO DA SUÍTE DE ESCRITÓRIO

A comunidade de voluntários que desenvolve e promove o OpenOffice.org, a suíte de escritório livre líder do mercado, anuncia uma grande mudança na estrutura do projeto. Depois de 10 anos de sucesso com a Sun Microsystems como fundadora e principal patrocinadora, o projeto lança uma fundação independente chamada “The Document Foundation” (TDF). A Fundação escolheu a marca LibreOffice, internacionalmente, como uma alternativa ao OpenOffice.org e vai coordenar e supervisionar o desenvolvimento do software.
O objetivo é ter maior independência na decisão sobre os rumos do projeto internacional, alinhando-o às necessidades de instituições e pessoas que já usam o aplicativo. Já os usuários brasileiros continuarão utilizando o BrOffice.org, cuja marca permanecerá a mesma. Ao integrar-se no esforço de desenvolvimento da The Document Foundation, o projeto brasileiro continua com o mesmo foco: desenvolver o melhor pacote de aplicativos livre para o Brasil.
Uma versão beta, baseada no OpenOffice.org 3.3, com alguns acréscimos, já está disponível para download no site: http://www.libreoffice.org. Desenvolvedores serão convidados a participar do projeto e a contribuir com desenvolvimento do código fonte, bem como tradução, teste, documentação e suporte.
A Oracle, que permaneceu com os ativos do OpenOffice.org, em consequência da compra da Sun Microsystems, foi convidada a participar da nova Fundação, e a doar a marca para a comunidade. Enquanto a The Document Foundation aguarda essa decisão, a marca a ser adotada é “LibreOffice”. A fundação contará com apoios de gigantes mundiais de TI, como a Canonical, Google, Novell, Red Hat e Open Source Initiative.
The Document Foundation apoia o ODF (Open Document Format), e está disposta a trabalhar junto com a OASIS para a próxima evolução da norma ISO”, disse Charles Schulz, membro do Conselho da Comunidade e líder da Confederação de línguas nativas. “The Document Foundation traz para mesa o ponto de vista dos desenvolvedores, apoiadores e usuários, e isso pode acelerar o processo de adoção do ODF nas diversas instâncias governamentais e empresariais".
Conforme o coordenador geral da BrOffice.org, Claudio Ferreira Filho, a novidade é animadora: "A BrOffice.org - Projeto Brasil em nome da comunidade BrOffice.org sente-se orgulhosa de ser parte integrante da The Document Foundation. Nosso país já possui importantes investimentos no Open Document Format e nas ferramentas de software que o suportam. Apoiamos a The Document Foundation em sua missão e visão e estamos prontos para juntar forças ao processo de desenvolvimento do LibreOffice e BrOffice.org", afirma Claudio Ferreira Filho.
Olivier Hallot, integrante do Conselho Diretor da TDF e Diretor da BrOffice.org Projeto Brasil, afirma: “O objetivo maior é preservar a qualidade do nosso produto, honrando o compromisso que firmamos com instituições e usuários que utilizam a suíte. É também uma garantia de continuidade e inovação para gestores que planejam adotar o aplicativo e o formato ODF para documentos”.
Declarações de lideranças internacionais
Falando em nome dos grupos de usuários, Sophie Gautier – uma veterana colaboradora da comunidade e antiga mantenedora do projeto de localização da língua francesa – declarou: “Acreditamos que a Fundação é um passo importante para a evolução da suíte, porque libera o desenvolvimento do código e a evolução do projeto das restrições representadas pelos interesses comerciais de uma única empresa. Defensores do software livre ao redor do mundo têm a oportunidade extraordinária de juntar-se ao grupo, como membros fundadores, para escrever um novo capítulo na história do software livre", afirma Gautier.
Chris DiBona, Gerente de programas de código aberto do Google Inc., comentou o seguinte: “A criação da Fundação é um importante passo para incentivar um maior desenvolvimento das suítes de escritórios de código aberto. O Google se orgulha de ser um apoiador da Fundação e de participar deste projeto”.
“Viva o LibreOffice”, disse Markus Rex, Vice-Presidente Sênior e Gerente Geral de Soluções de Plataforma Aberta da Novell. “Estamos ansiosos para trabalhar com a TDF para ajudar a desenvolver uma sólida oferta de software de documentos de código fonte aberto. Finalmente, nós esperamos que o LibreOffice faça, para o mercado de produtividade para escritórios, o que o Mozilla Firefox tem feito para os navegadores".
Jan Wildeboer, EMEA Open Source Affairs da Red Hat, comentou: "Em todo o mundo, os usuários, empresas e governos estão migrando para soluções verdadeiramente livres baseadas em padrões abertos. O LibreOffice fornece o elo que faltava, e quanto a Red Hat, estamos orgulhosos em aderir a este esforço ".
Mark Shuttleworth, fundador e acionista majoritário da Canonical, fabricante do Ubuntu, declarou: "Software de produtividade para escritórios é um componente fundamental. O Projeto Ubuntu terá o prazer de incluir o LibreOffice em versões futuras do Ubuntu. O gerenciamento do LibreOffice pela Fundação fornece aos desenvolvedores do Ubuntu um fórum eficaz para a colaboração em torno do código que faz do Ubuntu uma solução efetiva para computador em ambientes de escritório".
"O Open Source Initiative tem observado uma nova tendência de comunidades colaborativas para software de código aberto", disse Simon Phipps, diretor da Open Source Initiative."Saudamos a iniciativa da Fundação e estamos ansiosos para a inovação que ela é capaz de conduzir, com uma comunidade verdadeiramente aberta, reunida em torno de um software livre em comum, no melhor espírito de software de código aberto".
O que é a The Document Foundation
The Document Foundation é uma Fundação meritocrática, independente e autônoma criada por lideres da antiga Comunidade OpenOffice.org. Eles continuam a desenvolver na Fundação, os dez anos de trabalho dedicado pela comunidade OpenOffice.org. A TDF foi criada na convicção de que uma fundação independente, é o ajuste adequado aos valores de aberturas essenciais da Comunidade, transparência e valorização das pessoas pela sua contribuição. Está aberta a qualquer pessoa que concorde com os nossos valores fundamentais e contribua com as nossas atividades, e congratula-se com a participação das empresas, por exemplo, através do patrocínio de pessoas para trabalhar como iguais ao lado de outros colaboradores da comunidade.

Fonte: http://www.broffice.org/the_document_foundation

LANÇADA A EDIÇÃO Nº 18 DA REVISTA ESPÍRITO LIVRE

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

O MUNDO DO OVERCLOKING


TESTE DE ROTEADORES


COMO FUNCIONA O WI-FI


VÍDEOS AULAS DE GIMP

video

video


video

video



video

video

video

video

video

video


Fonte: http://www.gimp.com.br/smf/index.php?PHPSESSID=ejrfecs3erut9sefjv3ksbt6g6&topic=7360.0

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

EXCEL AVANÇADO - Criando um Orçamento de Serviços











FALHA NO WINDOWS AFETA VÁRIAS PROGRAMAS

Uma falha na forma como o Windows gerencia DLL (biblioteca de links dinâmicos) e arquivos relacionados tem sido utilizada em ataques e permite a execução de códigos remotamente.

A falha afeta aplicações como MSN, PowerPoint, Windows Live Mail, Windows Movie Maker, Office 2007, Firefox 3.6.8, Foxit Reader, Wireshark e uTorrent em todas as versões do Windows, segundo a empresa de segurança Offensive Security, responsável pelo Exploit-db, que reúne dados sobre vulnerabilidades.

O problema foi descoberto pela empresa de segurança Acros e, inicialmetne, parecia afetar somente o iTunes. HD Moore, CTO da Rapid7 investigou a falha profundamente e publicou um post detalhando o processo e as possibilidades de ataque envolvidas.

O defeito foi reconhecida pela Microsoft, que publicou informações para os desenvolvedores e dicas de como se prevenir até uma solução definitiva ou atualização melhorar o sistema de DLL. Uma das medidas preventivas citada no “Microsoft Security Advisory 2269637” é o bloqueio das portas TCP 139 e 455 no firewall.

O US-CERT, órgão do governo dos EUA que fiscaliza ameaças digitais, publicou um alerta para a falha, indicando além do bloqueio das portas o encerramento de serviços WebClient e bibliotecas WebDAV.

LIVRO DE REDES DE COMPUTADORES ANDREWS TANENBAUM

Opção 1 - Clique Para Fazer o Download


Opção 2 - Clique Para Fazer o Download

UTILIZE VÁRIAS LOGINS SIMULT/ÃNEOS NO FACEBOOK, ORKUT, TWITTER OU NOS SITES QUE QUISER



INSTALANDO O MULTIFOX

1. Clique aqui para ser direcionado ao site de download








2. Do lado direito da página, clique em Instalar extensão

 3. Quando for clicado na opção Instalar a extensão será exibida uma mensagem , na parte superior da página para você permitir a instalação do plugin. Clique em permitir

 4. Será exibida uma caixa de diálogo. Clique em instalar agora

 5. Aguarde o processo de instalação e em seguida clique em Reiniciar o Firefox



 
6.Clique em Reiniciar.


7. Depois que o navegador for reiniciado, será mostrado uma caixa de diálogo informando que o plugin foi instalado com sucesso. Feche a caixa de diálogo. A utilização do completo Multifox é mostrado no vídeo do olhar digital.